Ministério Público Federal recomenda desocupação de área de preservação ambiental em Conde

 

Atendendo recomendação do Ministério Público Federal, a Prefeitura de Conde fez, nesta terça-feira (19), a desocupação de uma área de preservação ambiental em Tabatinga 2.

Os proprietários das três estruturas, que estavam instaladas de forma irregular causando danos ambientais, foram notificados para desocupar a área.

A operação de retirada ocorreu de forma tranquila e contou com a presença da Guarda Municipal, Secretarias do Meio Ambiente, Infraestrutura e do Turismo.

Foram recolhidas estruturas usadas em bares, cadeiras, caixas térmicas entre outros itens. Tudo foi catalogado e será disponibilizado na Secretaria de Infraestrutura para retirada pelos proprietários.