Entidades convocam protesto contra aumento da passagem de ônibus em João Pessoa/PB

Diversos movimentos sociais, estudantes e demais entidades estão convocando um protesto nesta sexta-feira (4), às 15:30, no Paço Municipal, antigo prédio do Correios, em frente a Praça Pedro Américo, no Varadouro, em João Pessoa, para pedir a suspensão do reajuste no preço da passagem. A passagem passou a custar R$4,40 desde o último sábado (26).

Nesta quinta-feira (3), um dos organizadores do ato, Tárcio Teixeira, explicou que o aumento é impraticável nas condições ‘precárias’ que o transporte público se encontra. “Além de demissões em massa de motoristas, com negociações que deixaram os trabalhadores sem emprego e no prejuízo, além do incentivo que foi dado pela Prefeitura e negociações, os empresários insistem em empurrar nas costas dos trabalhadores um reajuste impraticável, como se já não bastasse a carestia do atual preço da passagem, quando se tem um serviço sucateado que deixa a gente esperando horas nos pontos, e quando conseguimos pegar o ônibus é com lotação”, disse ao ClickPB.

Em nota , a convocação diz que com o aumento, a passagem João Pessoa será uma das mais caras do Nordeste. “Em pleno carnaval o prefeito Cícero Lucena atendeu os interesses dos ricos empresários de ônibus: aumentou a passagem de ônibus para os absurdos R$4,40!  Com isso a passagem de João Pessoa é uma das mais caras do Nordeste, só que a nossa cidade é muito menor em comparação a Salvador(BA)!  Não aceite calado esse aumento enquanto a gente continua pegando ônibus lotado! VAMOS PRAS RUAS LUTAR POR NOSSOS DIREITOS!”, diz o panfleto que segue sendo distribuído para a população.

Ainda segundo Tárcio, a reivindicação é que a Prefeitura consiga negociar a suspensão. “Esperamos ser recebido pela Prefeitura. Estamos com um preço de passagem que equivale a capitais como São Paulo. Mesmo estando aprovados ISS e isenção que tramita no Senado para esse setor de três anos, ainda insistem com esse absurdo. É algo que é um verdadeiro assalto. As pessoas esperam horas nas paradas. Tivemos redução da frota, quando se tem um aumento de fluxo de pessoas. Vamos lutar”, explicou.

Na última sexta-feira (25),  a informação sobre o aumento com a confirmação do reajuste feita pelo Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo Urbano de Passageiros de João Pessoa (Sintur-JP) de que a tarifa de ônibus coletivo em João Pessoa passaria para R$ 4,40.

Mesmo contando com uma redução tributária temporária de 50% no valor do ISS, Isaac Júnior Moreira, diretor institucional do Sintur/JP explicou que não é suficiente para conter “a grave crise econômica e financeira pela qual passam as empresas de ônibus, o benefício é muito importante num momento tão delicado porque passamos todos nós”, afirmou.