Botafogo-PB vence o Sport pela Copa do Nordeste e quebra tabu de 37 anos

O Botafogo-PB venceu o Sport por 1 a 0 na noite desta quinta-feira, na Ilha do Retiro, fechando a sexta rodada da Copa do Nordeste. O único gol da partida foi marcado já no segundo tempo, por Gustavo Coutinho, artilheiro do time paraibano na temporada. O placar final pôs fim a um tabu de quase 37 anos sem que o Belo vencesse o Leão da Ilha. A última dos botafoguenses sobre os rubro-negros havia sido em março de 1985, pelo Campeonato Brasileiro, também na Ilha do Retiro.

O Sport fez um primeiro tempo melhor que o do Botafogo-PB, com chances mais claras de gol. E todas elas com Rodrigão. Aos três minutos, o atacante ficou livre na cara do gol, mas chutou para fora. Aos 41, recebeu cruzamento de Luciano Juba e, de cabeça, mandou novamente para fora. Por fim, aos 45, após passe de Everton Felipe, desperdiçou mais uma chance, mandando novamente para fora. Pelo lado do time paraibano, poucas chegadas ao ataque. O lance de maior destaque foi, na verdade, a lesão do lateral-direito Sávio, que deslocou o ombro aos 29 minutos e acabou substituído.

A segunda etapa começou morna. Logo os dois técnicos começaram a fazer substituições em seus times. E as chances começaram a aparecer a partir dos 20 minutos. Foi quando Anderson Paraíba bateu cruzado, e a bola passou entre Mailson e Gustavo Coutinho, assustando a defesa do Sport. E, nove minutos mais tarde, o Botafogo-PB abriu o placar. Esquerdinha cruzou no segundo pau, Mailson desviou parcialmente e, no rebote, o artilheiro botafoguense mandou para as redes. Depois disso, o Belo mais tentou administrar o resultado do que propriamente jogar. E o Sport tentou ir para cima em busca do empate, e ainda levou algum perigo, já nos acréscimos, mas parou em boas defesas do goleiro Luis Carlos.