Terceira dose contra Covid-19 na Paraíba começará a ser aplicada em pessoas imunossuprimidas e população acima de 70 anos

Conforme anúncio do Ministério da Saúde sobre as novas estratégias para condução do Plano Nacional de Imunização (PNI) contra covid-19, a Paraíba anunciou que vai oferecer doses de reforço ao público de 70 anos ou mais e pessoas imunossuprimidas. A nova etapa de imunização deverá ser feita, preferencialmente, com uma dose da Pfizer, ou de maneira alternativa, com a vacina de vetor viral da Janssen ou da AstraZeneca.

 

De acordo com o Ministério da Saúde, as doses de reforço são exclusivas para os públicos determinados, obedecendo ao seguinte critério: pessoas com problemas de imunidade devem tomar uma dose adicional 28 dias após a conclusão do esquema vacinal anterior. Já a população a partir de 70 anos deve acatar o prazo de 180 dias após o término do esquema anterior para receber a dose adicional.

 

A Secretaria também divulgou que os intervalos entre a 1ª e 2ª doses das vacinas das fabricantes Pfizer e AstraZeneca serão reduzidos a partir do dia 15. A segunda dose deve ser administrada após 08 semanas, ou 60 dias, segundo informou o Ministério. O intervalo anterior era de 12 semanas, o que equivale a 90 dias. Neste sentido, a Paraíba tem previsão de concluir a vacinação com D1 da população acima de 18 anos até 10 de setembro.