Justiça recebe denúncia contra suspeito de matar Patrícia Roberta

A 2ª Vara do Tribunal do Júri de João Pessoa, através da juíza Francilucy Rejane de Sousa Mota, recebeu a denúncia contra Jonathan Henrique Conceição dos Santos, suspeito de envolvimento na morte da jovem Patrícia Robertaencontrada morta no dia 27 de abril, na Capital.

Ainda de acordo com o advogado da família de Patrícia, somente Jonathan Henrique foi denunciado. No entanto, serão tomadas providências para que “os outros envolvidos também sejam denunciados”.  Jonathan foi indiciado pela Polícia Civil pelo crime de feminicídio e pela ocultação de cadáver de Patrícia Roberta. A namorada dele, Ivyna Oliveira, também havia sido indiciada por ocultação de cadáver da jovem.

Entenda o caso:

Patrícia Roberta morava em Caruaru e era amiga de Jonathan há mais de dez anos, desde a época que haviam estudados juntos. Ela veio para João Pessoa no dia 23 de abril e foi hospedada na casa do suspeito do crime. O corpo da jovem foi encontrado dias após os pais perderem o contato com a filha.

O caso Patrícia Roberta segue em segredo de Justiça.