Prefeitura reabre Centro Dia da Criança com Microcefalia e retoma serviços presenciais

A Prefeitura de João Pessoa reabriu, nesta quarta-feira (16), o Centro Dia da Criança com Microcefalia, serviço municipal destinado ao cuidado e atenção com este público. O espaço estava fechado há um ano, contando apenas com atividades remotas e sua reabertura foi acompanhada pelo prefeito Cícero Lucena.

“O depoimento das mães por si só justifica o esforço da Prefeitura em reabrir esta casa”, declarou o prefeito. “Queremos dar suporte às famílias que têm crianças com microcefalia em seus lares e que precisam do poder público como apoio para enfrentar as dificuldades do dia a dia. Este é um dos primeiros equipamentos que voltam a funcionar, mas temos grandes projetos no que se refere às doenças raras”, complementou.

O Centro está localizado na Avenida Júlia Freire, em Tambauzinho, e oferece serviços de fisioterapia, pedagogia e acompanhamento psicológico para as crianças e para os pais. O local ainda funciona como uma creche, garantindo o cuidado às crianças no período em que os pais trabalham.

No total, 51 crianças são acompanhadas, mas apenas 19 mantiveram o vínculo no período de funcionamento remoto. “Pretendemos retomar o contato com estas famílias, fazer atendimento em casa, trazê-los de volta para cá e tenho certeza que em breve estas crianças vão estar sob atenção novamente”, explicou o secretário municipal dos Direitos Humanos e Cidadania, João Corujinha.

O vice-prefeito Leo Bezerra conta que foi procurado por uma das mães sobre a importância da reabertura do serviço. “Conversei com o prefeito e o secretário e estamos realizando o sonho das famílias, que é ter um espaço adequado para trazer seus filhos. Vamos ampliar os serviços e tornar mais eficiente o atendimento para fazer o melhor pela população”, afirmou.

Suellen Rafael, de 38 anos, comemorou a ação. A empreendedora é mãe de Arthur Rafael, de dois anos e cinco meses, atendido pelo Centro. “Estou muito feliz. As famílias vivem sobrecarregadas e esse apoio, ter essa casa como ponte, é muito importante, até mesmo para que possamos trabalhar sabendo que eles estão bem cuidados. Os gestores estão de parabéns”, declarou.