Vigilância Sanitária interdita boate do Clube Cabo Branco, em João Pessoa, por realizar evento contrariando decreto

A boate Cabo Branco, localizada no bairro de Miramar, em João Pessoa, foi interditada na noite desta sexta-feira (4), por descumprir as medidas estabelecidas pelos decretos estadual e municipal.

Após denúncias anônimas, equipes da Vigilância Sanitária de João Pessoa foram até o local e constataram que estava sendo realizado um jantar dançante e causando aglomeração, além de muitas pessoas sem máscara.

A boate foi interditada e permanecerá fechada por três dias.

A Agência Estadual de Vigilância Sanitária (Agevisa) e os órgãos de vigilância sanitária municipais, as forças policiais estaduais, os Procons estadual e municipais e as guardas municipais ficarão responsáveis pela fiscalização do cumprimento das normas estabelecidas no decreto.

O descumprimento sujeitará o estabelecimento à aplicação de multa e poderá implicar no fechamento em caso de reincidência, que pode compreender períodos de sete a catorze dias, e na aplicação de multas que podem chegar a R$ 50 mil.